O Consumo de Orgânicos do Brasil – Pesquisa ORGANIS 2019 

O Consumo de Orgânicos do Brasil – Pesquisa ORGANIS 2019 

A Organis, entidade que reúne empresas, produtores e fornecedores do setor de orgânicos e a qual a Ecocert Brasil é associada, realizou em 2017 a primeira pesquisa para identificação de dados relativos ao consumo de orgânicos no país. Dando seguimento ao estudo lançou em setembro de 2019 a segunda versão da pesquisa, com dados atualizados e inéditos sobre o setor. A Ecocert, como parceira da entidade, teve acesso ao conteúdo completo e apresenta aqui algumas informações relevantes: 

O consumo de produtos orgânicos apresentou crescimento em 2019, sendo impulsionado principalmente pela região sul que hoje detém 23% do consumo de orgânicos no país. Além disso, foi possível identificar que 84% dos entrevistados compram orgânicos por motivos de saúde. Dentre eles, os mais citados ainda são os chamados FLV (frutas, verduras e legumes) indicando que o consumidor brasileiro ainda não associa os orgânicos a produtos processados em geral – embora este seja também um mercado em constante expansão. 

Quanto ao custo, o produto orgânico ainda é considerado pelo consumidor como mais caro que o produto convencional. O que foi indicado por 75% dos participantes, sendo que destes, 48% consideram a diferença de preço justificadaCobi Cruz, diretor da Organisexplica que esta diferença está relacionada aos altos custos para a produção, mão de obra melhor remunerada e aos benefícios sociais e ambientais promovidos por esta classe de produtos. Cobi argumenta ainda que o preço tende a tornar-se mais acessível ao longo dos anos devido ao crescimento da produção.  

Em relação ao acesso, 47% dos entrevistados afirmaram ser difícil ou muito difícil de encontrar orgânicos em sua região. O que justificaria também o maior consumo identificado na região sul, já que é a região que concentra o maior numero de produtores do país. A pesquisa identifica ainda que 63% dos consumidores recorrem aos supermercados para comprar orgânicos.  

A certificação, que pode ser por auditoria ou participativa, mostra sua importância entre os consumidores de orgânicos, visto que 90% acreditam que a utilização do selo do Sisorg é obrigatória como garantia de que um produto é realmente orgânico 

Com este breve panorama, pode-se perceber que o mercado segue em crescimento e é reconhecido por seus benefícios a sociedade e meio ambiente, embora ainda encontre desafios como a redução de custos e distribuição e disseminação da produção para todas as regiões do Brasil.  

A pesquisa com detalhes pode ser encontrada no site da Organis.  

Fontes: 

  1. Pesquisa Organis
  2. Nexo Jornal
Publicado em
Categorias:
Ecocert, Orgânicos
Nenhum comentário

Comentar

Top